SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seConectar-se

Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor. Romanos 6:23

ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
33 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 32 Visitantes :: 1 Motor de busca

goime

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 20:07
Últimos assuntos
» Lazaro: Eu Te Amo Tanto [DVD Completo / Qualidade original]
Ontem à(s) 14:37 por jairo nuness

» Escola biblica novembro Aprendendo a viver em tempos difíceis
Ontem à(s) 14:30 por jairo nuness

» UM MONUMENTO À DESOBEDIÊNCIA -Lc.17.32-
Sex 09 Nov 2018, 12:28 por guganic

» O céu é ganhado a força?
Ter 06 Nov 2018, 20:41 por M.Rogério

» Discurso emocionante
Dom 04 Nov 2018, 15:50 por guganic

»  A perseverança na fé nos tempos difíceis.
Dom 04 Nov 2018, 15:12 por jairo nuness

» E.B. Tema: DISSE JESUS: EU SOU A PORTA! II Semestre outubro de 2018 Pt IV
Dom 28 Out 2018, 00:33 por guganic

» “Sou cristão”, diz Haddad; Em entrevista ao Roda Viva, candidato citou versículo fake
Sab 27 Out 2018, 17:04 por Henrique

» Evangélico morre após ser espancado por eleitores de Haddad em Fortaleza
Qui 25 Out 2018, 19:56 por Henrique

» 6 princípios para votar como um cristão
Qua 24 Out 2018, 23:41 por Henrique

» E.B. Tema: DISSE JESUS: EU SOU A VIDA! II Semestre outubro de 2018 Pt III
Sab 20 Out 2018, 23:19 por guganic

» Islâmicos pedem o enforcamento de cristã que questionou a crença em Maomé, no Paquistão
Qua 17 Out 2018, 00:04 por M.Rogério

» O que devemos orar?
Ter 16 Out 2018, 23:56 por M.Rogério

» A Crescente Crise por trás da História Evangélica de Sucesso no Brasil
Ter 16 Out 2018, 23:46 por M.Rogério

» O Papel da Lei na Evangelização
Ter 16 Out 2018, 23:39 por M.Rogério

» E.B. Tema: DISSE JESUS: EU SOU A VERDADE! II Semestre outubro de 2018 Pt II
Sab 13 Out 2018, 15:03 por guganic

» O que é a Oração do Senhor?
Ter 09 Out 2018, 00:00 por Henrique

» E.B. Tema: DISSE JESUS: EU SOU O CAMINHO! II Semestre outubro de 2018 Pt I
Sab 06 Out 2018, 10:25 por guganic

» 13 razões porque não vou votar no PT
Ter 02 Out 2018, 11:19 por Henrique

» ESCOLA BÍBLICA - AS VIAGENS MISSIONÁRIAS DE PAULO! A Terceira e a Quarta! (Aula 4 - Setembro/2018)
Dom 30 Set 2018, 22:57 por B.V.

» Líderes evangélicos lançam manifesto pedindo que fiéis apoiem candidatos conservadores
Sab 29 Set 2018, 00:17 por Henrique

» Columa50 Seja bem vindo.
Sex 28 Set 2018, 02:51 por guganic

»  A CONTRADIÇÃO E O CAMINHO DE CORÉ. Nm.16.(Uma palavra pastoral)
Sex 28 Set 2018, 02:43 por guganic

» ESCOLA BÍBLICA - AS VIAGENS MISSIONÁRIAS DE PAULO! A Segunda! (Aula 3 - Setembro/2018)
Qui 27 Set 2018, 00:20 por B.V.

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

 RECONHECENDO EM JESUS A ÚNICA ESPRANÇA - II Parte - Mc. 5.25-34

Ir em baixo 
AutorMensagem
guganic

avatar

Mensagens : 2159
inscrito em : 09/08/2011

MensagemAssunto: RECONHECENDO EM JESUS A ÚNICA ESPRANÇA - II Parte - Mc. 5.25-34    Seg 07 Ago 2017, 03:00


RECONHECENDO EM JESUS A ÚNICA ESPRANÇA
                               Mc. 5.25-34  II Parte.
 

Vs.33
Então a mulher, atemorizada e tremendo, cônscia do que nela se operara, veio, prostrou-se diante dele e declarou-lhe toda a verdade.
Vs.34
E ele lhe disse: Filha, a tua fé te salvou; vai-te em paz, fica livre do teu mal.
 
A fé é um dever fundamental na vida do crente salvo em Cristo; porque sem fé é impossível agradar a Deus; é assim que está escrito. (Hb. 11.6)
 
A fé é também uma arma de defesa capaz de apagar os dardos inflamados do inimigo. (Ef.6.16)
 
Para se adquirir sabedoria a fé é essencial na oração. (Tg.1.5,6) A fé é um elemento essencial à comunhão com Deus; outra coisa: a graça que Deus nos concede só pode ser exercida pela fé.
 
Infelizmente há muitos que se dizem crentes na Pessoa Bendita de Jesus e costuma usar a fé de uma maneira deturpada; é a fé que entra em conflitos com os interesses de Deus. 
 
Existe também a fé supersticiosa; falaremos dela em outra ocasião.

-Vamos meditar então sobre a fé que salva e livra do mal.
 
Um dos sinônimos do verbo meditar é ruminar; o boi, a ovelha, depois de se alimentarem passa horas mastigando ruminado o que comeu.

É isso que devemos fazer ao ler a palavra: meditar ruminar
 
Um dos atributos da nossa alma é a imaginação ferramenta dada por Deus assim como a nossa inteligência a nossa memória o nosso juízo cada um deles com finalidades específicas.
 
Com a imaginação você faz o que quiser, pensa no que quiser, pois não há limites para a imaginação; desde que você não fira a palavra de Deus com sua imaginação ela é a ferramenta certa para a meditação da palavra.
 
Veja o que nos diz a Bíblia: Todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo de imundícia. (Is. 64.6) - Você pode imaginar o significado do final deste versículo? Trapo de imundícia?
 
A mulher do fluxo de sangue tocou nas vestes de Jesus porque este era o seu propósito desde o principio quando ela ouviu falar dele.
 
Ela foi convencida por alguém que não custava nada buscar auxilio em Jesus, ele não cobrava nada para curar; então ela o buscou.
 
Na multidão ninguém sabia por que Jesus parou até que ele perguntou: Quem me tocou?

É evidente que Jesus sabia quem o tocou; a pergunta foi apenas uma força de expressão para que a mulher se apresentasse a ele.
 
E depois que a mulher declarou toda a verdade, Jesus lhes disse: Filha!   Porque chamá-la de filha?

Para que Jairo o impaciente, entendesse que assim como ele amava a sua filha, Jesus também amava aquela mulher.
 
Jesus sempre quer o melhor para as pessoas que ele ama. – Filha, vai-te em paz. –Jesus sabia que ela estava com saúde porem ganhou uma grande preocupação. -Jesus sabia: ela está com as caramiolas pegando fogo.
 
Pela lei ela devia ser apedrejada contaminou alguém deliberadamente.

Ela fez uma grande besteira; como imunda que era ela nunca deveria ter se aproximado de alguém que dirá tocado e ainda por cima num Rabi.
 
Curada de um terrível mal e ainda correndo risco de vida; ser apedrejada.
 
Traduzindo a expressão a tua fé de salvou: Filha, tu não serás apedrejada você não me contaminou eu sou quem te curou. -Você acha que Jesus ia curar alguém para depois deixá-la morrer na mesma hora?
 
Depois ele completa a sua mensagem dizendo assim para ela: fica livre do teu mal. –  Qui mal? Se ela foi curada instantaneamente?
 
Uma mulher menstruando por muitos dias (Lv. 15.25) sua imundícia era mais acentuada do que no período normal de sete dias; as conseqüências disto eram piores. Imagina agora doze anos na imundice.
 
Será que ela era uma mulher casada? Se casada ela ficou sem o marido legalmente; Pela lei ela tinha que deixar a sua família. Tinha que ser abandonada automaticamente de marido e filhos; divorciada.
 
Imagina só: perder a saúde foi um acidente de percurso. Agora veja bem: perder a família; sem parentes e amigos por força da lei? – Ela deveria se revoltar contra quem? – Contra Deus e o mundo.
 
Raiz de amargura no coração e na alma desta mulher brotava como ervas daninha no campo sem que ninguém precise plantar. Suas decepções se acumulavam dia e dia e o desprezo por ela era real.
 
Imagina só doze anos sangrando; naquela época não existia absorvente; não existiam cremes íntimos; também não existia a prática da depilação. Nesta época a mulheres usavam um pano chamado trapo de imundice.
 
O paninho (trapo de imundice) usado como absorvente íntimo, mesmo quando lavado cheirava mal. Naquela época não havia tampax, não havia confort; não havia amaciante, alvejante, não havia cândida, água sanitária...
 
Quando ela andava que cheiro deixava no ar? E as assaduras?
 
Esta mulher quando tocou em Jesus fisicamente foi curada na hora do seu flagelo a doença física; mais emocionalmente ela precisava ouvir Jesus dizer: fica livre do teu mal. - Lançar fora o que estava na alma dela-
 
A que mal Jesus estava se referindo se ela já estava curada? O mal alojado na alma pela rejeição sofrida, pelo estado de abandono que vivera; pelas vezes de profunda humilhação que passara e ainda viva no seu ser.
 
Jesus não queria só a cura do corpo físico mais a cura da alma, do lado emocional ainda não resolvido.

Jesus queria que ela saísse da presença dele sabendo que ela era agora uma nova criatura em todos os sentidos.
 
A fé que salva e livra do mal é a fé direcionada para a Pessoa de Jesus.
 
A mulher que sofrera o fluxo de sangue por doze anos, saiu da presença de Jesus restaurada em todos os sentidos e agora ela deveria fazer o que a lei exigia.
 
Lv.15.28
Porém, quando lhe cessar o fluxo, então se contarão sete dias, e depois será limpa.
Vs.29
Ao oitavo dia tomará duas rolas, ou ainda dois pombinhos, e os trará ao sacerdote à porta da tenda da congregação.
 
Lembra da expressão: filha a tua fé te salvou? Ou seja: Filha, tu não serás apedrejada você não me contaminou eu sou quem te curou.
 
Quando ela entregasse a oferta para o sacerdote e, ele perguntasse: como você ficou curada? Ela não precisava dizer: eu toquei em Jesus. Porque na mesma hora o sacerdote mandaria apedrejá-la.
 
Ela só precisava responder para o sacerdote: Jesus me curou.
 
Dá para imaginar alegria desta mulher depois de o sacerdote fazer por ela a oferta da expiação do fluxo de sangue? E depois abençoá-la com estas palavras:
 
“O Senhor te abençoe e te guarde; o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti; e tenha misericórdia de ti; o Senhor sobre ti levante o seu roso, e te dê a paz” Nm.6.24-26.
 
Dá para imaginar como estava o coração e alma desta mulher quando depois de doze anos de sofrimento, e humilhações e desprezo, de cabeça erguida entra na casa do Senhor para adorá-lo?
 
Creio que ela se tornou uma verdadeira adoradora, pois o buscava em espírito e em verdade.
 
Nada como um coração e uma alma agradecida aos pés do Senhor.
 
Ainda hoje aquele que teve um real encontro com Cristo pode adentrar à casa do Senhor e adorá-lo em espírito e em verdade.
 
A fé que salva e livra do mal não é a fé na fé e sim a fé no Filho de Deus o nosso Senhor e Salvador e Mestre: Jesus Cristo.
 
A fé que salva e livra do mal é a fé direcionada para a Pessoa de Jesus.
 
A ele a honra a glória e todo louvor.




Guganic

 
 
 
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
RECONHECENDO EM JESUS A ÚNICA ESPRANÇA - II Parte - Mc. 5.25-34
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» "ALMEIDA REVISTA E ATUALIZADA" – UMA BÍBLIA ECUMÊNICA?
» O Sacrifício do Calvário foi COMPLETO? Alguém foi SALVO com o Sacrifício de Jesus?
» A IMINENTE VOLTA DE JESUS!!!
» o triângulo evolução, intus legere e jesus.
» Heresia: artista cria um Jesus travesti na ceia

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM ESTUDOS BÍBLICOS-
Ir para: