SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seConectar-se

“Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem” Hebreus 11.1

ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
31 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 31 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
» Crislamismo: como a mídia vem tentando convencer que muçulmanos e cristãos adoram o mesmo deus
Ontem à(s) 19:55 por Henrique

» Minuto com Deus!!!
Ontem à(s) 18:43 por Paulo Cezar

» CONFIE NO SENHOR, E ORE
Sab 22 Abr 2017, 16:13 por Paulo Cezar

»  Refugiados muçulmanos estão agredindo cristãos nas ruas da Austrália, denuncia pastor.
Sab 22 Abr 2017, 10:19 por Henrique

» Frase do dia.
Sex 21 Abr 2017, 16:41 por Henrique

»  SABE QUEM FOI TIRADENTES?
Sex 21 Abr 2017, 13:59 por Henrique

» O QUE FOI A REFORMA PROTESTANTE? 500 anos da reforma.
Qui 20 Abr 2017, 21:57 por Henrique

»  O QUE FOI A REFORMA PROTESTANTE? 500 anos da reforma. Parte 2
Qui 20 Abr 2017, 21:52 por Henrique

» FALE ÁS SUAS LÁGRIMAS
Qui 20 Abr 2017, 19:56 por Henrique

» Paul Washer pregou para todos no hospital, revela pastor que o visitou
Qua 19 Abr 2017, 21:12 por Henrique

» NÃO VOS ASSEMELHEIS A ELES. Mt.23.
Ter 18 Abr 2017, 23:37 por guganic

» 10 princípios bíblicos para honrarmos a Deus nas finanças
Seg 17 Abr 2017, 20:09 por Henrique

» A Bíblia não é contra as mulheres (Quadrinho)
Seg 17 Abr 2017, 17:40 por Henrique

» Estratégia de evangelizar crianças tem levado famílias muçulmanas inteiras a Cristo, diz missionário
Seg 17 Abr 2017, 12:58 por Henrique

» ESCOLA BÍBLICA - FÉ !!! Definição e exemplos !!! (Aula 2 - Abril/2017)
Sab 15 Abr 2017, 11:41 por B.V.

» Sexta-feira da Paixão: “A morte de Jesus não o torna mártir, e sim o Salvador”, diz Billy Graham
Sex 14 Abr 2017, 23:41 por Henrique

»  A PÁSCOA
Qui 13 Abr 2017, 23:12 por Henrique

» O vinho do grande Rei DEVOCIONAL
Ter 11 Abr 2017, 23:16 por Henrique

» Testemunho Forte e Impactante do Ex Bandido Caveirinha
Ter 11 Abr 2017, 17:05 por Paulo Cezar

» Julgamento da jornalista que acusou Feliciano de estupro
Ter 11 Abr 2017, 07:35 por M.Rogério

» PREDISPOSIÇÕES DA NATUREZA HUMANA. Ex.21.28.-31
Dom 09 Abr 2017, 09:18 por guganic

» Perdendo a fé (Muito bom)
Dom 09 Abr 2017, 01:15 por guganic

» ESCOLA BÍBLICA - FÉ !!! Considerações iniciais !!! (Aula 1 - Abril/2017)
Sab 08 Abr 2017, 22:30 por B.V.

» DE ONDE ME VIRÁ O SOCORRO?. Sl.121
Qui 06 Abr 2017, 21:31 por guganic

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

  O PROPÓSITO DA TRANSFIGURAÇÃO DE CRISTO. Lc.9.27-36

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
guganic

avatar

Mensagens : 2063
inscrito em : 08/08/2011

MensagemAssunto: O PROPÓSITO DA TRANSFIGURAÇÃO DE CRISTO. Lc.9.27-36   Qui 18 Jun 2015, 12:05

          O PROPÓSITO DA TRANSFIGURAÇÃO DE CRISTO
                                        Lc. 9.27 -36
 
 
Vs.27
Com certeza vos asseguro que alguns que aqui se encontram, de modo algum passarão pela morte antes de verem o Reino de Deus.
 
Não nos resta nenhuma dúvida que o Deus dos salvos em Cristo Jesus é sim: um Deus de propósitos e detalhes.
 
Jesus na oração sacerdotal falou de uma glória que teve (Jo. 17.5) junto ao Pai muito antes que houvesse mundo.
 
Entre falar e comprovar o que realmente há, faz uma grande diferença no mundo habitável dos seres humanos.
 
 - Jesus sabia (e sabe) disto. E você?Não?
 
Está escrito que por boca de duas ou três testemunhas (II Co.13.1) será confirmado toda palavra.

Isto implica dizer que toda doutrina bíblica deve ser confirmada pelo menos com dois ou três versículos.
 
E por que tem que ser assim? Para que a doutrina bíblica ou a declaração feita na Bíblia seja aceita como verdade que é, e o cristão, a obedeça.
 
Biblicamente o fato (Dt.19.15) pode ser confirmado pela boca de duas ou três testemunhas.
 
Quando Jesus fala do Reino de Deus, os discípulos não tinham nenhuma prova visível a respeito do mesmo; logo, porém, eles iam testemunhar a veracidade da existência deste Reino.
 
Depois dos cinco mil homens alimentados com pães e peixes, Jesus ouve a confissão de Pedro, prediz Sua própria morte e diz não haver nenhum proveito o homem ganhar o mundo inteiro e perder sua alma.
 
Depois destes acontecimentos enfaticamente ele diz: Com certeza vos asseguro que alguns que aqui se encontram, de modo algum passarão pela morte antes de verem o Reino de Deus.
 
E oito dias depois destas palavras, Pedro Tiago e João são chamados para acompanhá-los até ao monte e lá foram para orar com Jesus.

E Jesus foi não somente para orar como também para cumprir a profecia: “não passarão pela morte antes de verem o Reino de Deus”.
 
E qual o propósito de revelar o Seu Reino? E a quem seria revelado?

Seria revelado aos amigos e irmãos mais chegados: Pedro Tiago e João.
 
O propósito desta incrível e extraordinária revelação foi fixar nas mentes e também corações de Pedro Tiago e João (Lc.9.2) que receberam virtude e foram chamados a anunciar o Reino de  Deus, que este reino é real.
 
O propósito da transfiguração de Cristo em nenhum momento aconteceu para dar respaldo a doutrinas antibíblicas e estranhas como é o caso da prática de consultas aos espíritos dos mortos.
 
O propósito da transfiguração aconteceu para confirmar o testemunho da Lei (Moisés) confirmar o testemunho dos profetas, (Elias) de que Jesus era o verdadeiro Messias sofredor.
 
A transfiguração repetiu assim os mesmos elementos que acompanharam as revelações da Lei no Sinai. (Dt.33.9,10)
 
Por já se encontrarem na glória, Moisés e Elias, eles mesmos e nenhum espírito personificador no lugar deles, falava da partida de Jesus Cristo que estava para acontecer em Jerusalém.
 
E pela segunda vez e falando sem pensar, Pedro sugere a Cristo algo que poderia afastá-lo da cruz: Bom é estarmos aqui; então façamos três tendas e uma era para Jesus. (33)
 
Desta vez Jesus não o repreendeu (Mt.16.22,23) como fizera antes; mas está escrito que Pedro não sabia o que dizia.
 
Aproximadamente sessenta e cinco anos depois (um pouco mais ou menos) da época da transfiguração, Pedro, em defesa da superioridade da palavra de Deus escreveu-nos o seguinte:
 
Não vos demos a conhecer o poder e a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo seguindo fabulas engenhosamente inventadas; (II Pd 1.16,17) mas fomos testemunhas oculares da Sua majestade.
 
Nós mesmos: Pedro, Tiago e João ouviram neste incrível e relevante episódio: Este é meu Filho amado em quem me comprazo.
 
João também escreveu: “E o Verbo se faz carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai. (Jo.1.14)
 
João nos relata a realidade da glória divina em Cristo; e em Cristo vemos o cuidado de Deus em se aproximar dos homens ainda que pecadores.
 
A transfiguração teve seu objetivo alcançado não deixar dúvidas que há um Reino e que é de Deus e que este reino nos infunde esperança por que Cristo já morreu e ressuscitou por ele.
 
 
 
Guganic
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O PROPÓSITO DA TRANSFIGURAÇÃO DE CRISTO. Lc.9.27-36
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» O Propósito Dos Dons Do Espírito Santo
» O propósito do sofrimento.
» Propósito número 1 do Gospel Brasil
» Hidrostática UFU
» (CN) Num depósito

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM ESTUDOS BÍBLICOS-
Ir para: