SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seConectar-se

Porque, se com a tua boca confessares Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo; Romanos 10.9

http://i.imgur.com/WOeDEht.jpg
ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
10 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 10 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
» Minuto com Deus!!!
Hoje à(s) 01:03 por Paulo Cezar

» DEVOCIONAL - O mistério do casamento
Ontem à(s) 13:03 por Henrique

» Como eu posso buscar Deus de forma consciente?
Dom 22 Out 2017, 23:31 por Henrique

» A DOUTRINA DO DÍZIMO. O DÍZIMO NA LEI Pt III Outubro de 2017
Dom 22 Out 2017, 00:21 por guganic

» É pecado o uso de camisinha ( preservativo ) nas relações sexuais?
Sex 20 Out 2017, 21:32 por Henrique

»  A FÉ VITORIOSA E A FÉ SUPERSTICIOSA Hb.11.1,2
Qua 18 Out 2017, 11:47 por guganic

» DEVOCIONAL - Temor e esperança pelo zelo de Deus
Qua 18 Out 2017, 11:20 por Henrique

» A Cura do câncer e a FOSFOETANOLAMINA SINTÉTICA.
Seg 16 Out 2017, 14:58 por Henrique

» A VERDADE QUE LIBERTA -Jo. 8.32-36-
Seg 16 Out 2017, 11:46 por guganic

»  Evangelho da Salvação x Evangelho da Solução
Dom 15 Out 2017, 09:32 por M.Rogério

» Arquivo baixado de um site e Bolsonário 2018
Sab 14 Out 2017, 14:06 por salomão

» A DOUTRINA DO DÍZIMO Pt. II (Hb.7.1-17) Escola Bíblica outubro de 2017 O DÍZIMO ANTES DA LEI
Sab 14 Out 2017, 07:21 por guganic

» Cristãos são expulsos de cafeteria por proprietário gay
Sex 13 Out 2017, 20:45 por Henrique

» Como é que DEUS teria permitido algo horroroso assim acontecer no dia 11 de setembro
Sex 13 Out 2017, 20:33 por Henrique

» O Peregrino – Uma Jornada para o Céu (Filme completo)
Qui 12 Out 2017, 15:49 por Paulo Cezar

» Seja como uma criança, mas não seja criança
Qua 11 Out 2017, 23:14 por Henrique

» Como crentes serão julgados?
Sab 07 Out 2017, 17:57 por B.V.

» DIVULGANDO - Acompanhe + Um Debate REENCARNAÇÃO defendida por TZARUCH
Sab 07 Out 2017, 15:14 por Henrique

» SSBBezerra - Espírita Kardecista volta ao Fórum
Sab 07 Out 2017, 10:30 por B.V.

» A DOUTRINA DO DÍZIMO Pt.1 (Ml.3.8) Escola Bíblica outubro de 2017
Sab 07 Out 2017, 01:28 por guganic

» A perversidade do homem anunciando a volta de Cristo.
Qui 05 Out 2017, 22:59 por M.Rogério

» André e Felipe - Decisão (Sony Music Live)
Qui 05 Out 2017, 02:09 por Paulo Cezar

» Site de radios gospel e outros...
Qua 04 Out 2017, 01:40 por Paulo Cezar

» ESCOLA BÍBLICA SETEMBRO/5 - GLÓRIA SOMENTE A DEUS/ OS CINCO SOLAS
Ter 03 Out 2017, 22:50 por Henrique

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

 Ideias práticas para você educar seu filho

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
silas gomes de souza
. . .MEMBRO ESPECIAL
.   .   .MEMBRO ESPECIAL
avatar

RELIGIAO : cristianismo
Masculino Mensagens : 1604
nascido em : 21/07/1958
inscrito em : 22/11/2012
Idade : 59
Localização : SÃO PAULO - CAPITAL

MensagemAssunto: Ideias práticas para você educar seu filho   Sab 20 Abr 2013, 20:16


Ideias práticas para você educar seu filho

[img][/img]


Os pais hoje estão muito permissivos. Talvez devido ao pensamento pós-moderno que defende a ideia de que o que vale é o que você sente, e que para se sentir bem, tudo é válido. Isso é uma mentira, uma ilusão, um engano. Saúde mental e social depende de autocontrole das emoções, ajuste dos desejos, e não satisfação deles à qualquer preço.

Pais permissivos podem ser tão lesivos aos seus filhos quanto pais ditatoriais. Crianças criadas em lares muito ditatoriais, em que nada é permitido, apresentam mais problemas de comportamento na adolescência, assim como os criados em lares superliberais, quando comparadas com as crianças criadas em lares mais ou menos equilibrados.

Nos lares cheios de regras e proibições, as crianças ou se revoltam e podem se tornar criadores de problemas na sociedade ao crescerem (empregados problemáticos, abusadores, violadores de qualquer lei, criminosos, dependentes químicos, etc.), ou podem ser tornar muito passivas, sem saberem se defender de abusos.

Dos lares onde predominou ou predomina (que é a maioria hoje) a liberalidade excessiva, onde tudo pode, onde os adolescentes chegam das baladas a hora que querem, onde não assumem responsabilidade nenhuma de ajudar os pais em tarefas da casa, surgem os prepotentes, os arrogantes, os “espaçosos” que se acham donos do mundo, os “fora da realidade” achando que todos lhe devem algo e que os devem servir, justamente porque não aprenderam a disciplina da realidade, não aprenderam que na realidade da vida há regras, há horários a cumprir, há os direitos dos outros, e há um mundo interior dentro da pessoa a ser administrado, como os pensamentos maus, os sentimentos perversos e imaturos.

Desses lares surgem muitos dependentes químicos também e outros tipos de pessoas com outros comportamentos que causam problema social.
As crianças não se tornam mais felizes quando damos a elas tudo o que elas querem. A disciplina equilibrada é uma forma importante de mostrar aos nossos filhos que os amamos e que nos importamos com eles. Faz parte da realidade da vida elas aprenderem desde pequenas a aceitarem as limitações, as frustrações. Mas se os pais não lidam bem com a frustração, e por qualquer desconforto ou provação logo perdem o controle emocional, lançam mão de remédios “calmantes”, ou “um trago para relaxar”, isso é observado pelos filhos e eles irão copiar esse modelo imaturo de lidar com as dificuldades da vida.

Para tentar educar melhor seu(s) filho(s), recomendo o seguinte:

1. Encoraje a eles o autocontrole dando exemplo em sua própria vida. Ao surgir um problema, diga a eles com serenidade e calma: “Vamos pensar em como resolver isso. Há solução. Vamos procurar por ela, etc.”;

2. Explique que diante de problemas na vida pode não existir solução rápida e fácil, e que, assim, temos que ter paciência e aceitação da limitação;

3. Ensine a lidar com emoções dolorosas, explicando que elas existem, fazem parte da vida, e que temos que ter paciência para lidar com elas, que elas irão embora em algum momento. Ensine também que há sofrimentos que precisamos evitar, pois do contrário eles produzirão dor emocional, nesse caso, evitáveis;

4. Use palavras simples, compreensíveis e confiáveis, nunca mentindo. Me lembro de um vídeo que assisti em que uma menina de uns 7 ou 8 anos de idade, perguntou para sua mãe o que era “virgem”. Daí a mãe, sem checar o por que da pergunta da filha, gastou quase meia hora para explicar um monte de coisas sobre virgindade, e quando acabou a menina fez outra pergunta, apontando para o vidro de azeite de oliva sobre a mesa: “Mãe, e o que é extra-virgem?”;

5. Não faça comparações. É horrível e injusto comparar um filho com outro, ou com uma outra criança, parente ou não. Comparações geralmente são injustas porque dentro de cada um há lutas pessoais, e há uns que tem lutas interiores que o outro não tem metade disso;

6. Não prometa o que não pode ou não irá cumprir só para acalmar a criança;

7. Não dê tarefas nem fáceis e nem difíceis demais para seu filho(a);

8. Não ataque a pessoa quando ela cometer um erro, mas ataque o erro. Ou seja, ao invés de dizer: “Você é uma droga de pessoa porque fez isso…”, diga: “Isso que você fez não é legal!”;

9. Valorize os esforços que a pessoa conseguiu realizar até agora, mesmo que sejam pequenos, ao invés de enfocar o que ela não conseguiu ainda;

10. Não “use” a criança em brigas conjugais;

11. Não deprecie seu marido ou esposa ao falar com seu filho(a);

12. Pergunte a si mesmo(a) se você tem um apego exagerado com seu próprio pai e/ou mãe a ponto de se preocupar mais com agradá-los do que cuidar de seu filho(a).

FONTE: Autor - Dr. Cesar Vasconcellos de Souza, médico psiquiatra e psicoterapeuta, membro da Associação Brasileira de Psiquiatria, membro da American Psychosomatic Society, consultor psiquiatra da revista Vida & Saúde onde mantém coluna mensal, professor de Saúde Mental, visitante, do College of Health Evangelism e "Institute of Medical Ministry" do Wildwood Lifestyle Center and Hospital, Estados Unidos, Diretor Médico do Portal Natural, autor dos livros "Casamento: o que é isso?"

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ideias práticas para você educar seu filho
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Um convite especial para você...
» Mãe pede para escola reprovar seu filho que não sabe ler
» Como é Deus para você?
» Para você leitor ou participante do Fórum: sente pela falta de algum membro? QUEM?
» Uma frase para Você não esquecer jamais...

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM DOS AMIGOS E ASSUNTOS GERAIS.-
Ir para: