SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seLogin
Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a pela fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim. ” Gálatas 2:20
ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
24 usuários online :: 2 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 22 Visitantes :: 2 Motores de busca

guganic, jairo nuness

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
»  VIVENDO EM MEIO À CRISE DO DESÂNIMO II Co. 4.8-10
Hoje à(s) 22:54 por guganic

» Emoção! Cabrine encontra Bíblia de Neto(chapecoense)nos destroços do avião
Hoje à(s) 22:20 por M.Rogério

» Lula volta a Criticar os evangélicos da lava jato!
Hoje à(s) 22:12 por M.Rogério

» Quando a morte sé torna vida
Hoje à(s) 22:08 por M.Rogério

» Tópico Exclusivo Pregações
Hoje à(s) 22:02 por M.Rogério

» Minuto com Deus!!!
Hoje à(s) 11:37 por Paulo Cezar

» AFINAL COMEMOREMOS O NATAL OU NÃO?
Ter 06 Dez 2016, 12:54 por Henrique

» Eu não posso viver sem ti adorar!
Seg 05 Dez 2016, 19:35 por M.Rogério

» NEEMIAS, O HOMEM MAIS IMPORTANTE DO REINO - Ne. 2.1-8. -
Seg 05 Dez 2016, 12:10 por jairo nuness

» Pedi, e dar-se-vos-á. (Mateus 7.7) DEVOCIONAL
Seg 05 Dez 2016, 09:34 por Henrique

» Deus é quem criou o diabo ?(mas sobre predestinação)
Dom 04 Dez 2016, 18:27 por B.V.

»  MOVIDOS PELA GRAÇA At.4.32-35
Dom 04 Dez 2016, 15:21 por guganic

»  Fiquei sobremodo alegre pela vinda de irmãos e pelo seu testemunho da tua verdade... DEVOCIONAL
Sex 02 Dez 2016, 09:43 por Henrique

» 30 LOUVORES QUE EDIFICAM PARA OUVIR EM 2017 - As Melhores Músicas Gospel
Qui 01 Dez 2016, 20:28 por Paulo Cezar

» Musicas Gospel para ouvir , Orar e Meditar.
Qui 01 Dez 2016, 20:27 por Paulo Cezar

» VERSICULO DO DIA
Qui 01 Dez 2016, 16:27 por Paulo Cezar

» FILHOS NUMA TERRA DISTANTE Lc. 15.11-16
Qua 30 Nov 2016, 12:29 por guganic

» Pastora Sarah Sheeva “zera” as redes sociais com post sobre seus “10 anos sem ver aquilo maravilhoso
Qua 30 Nov 2016, 08:23 por Henrique

» Frase do dia.
Ter 29 Nov 2016, 20:32 por M.Rogério

» O mal uso da internet
Ter 29 Nov 2016, 20:27 por M.Rogério

» O Evangelho não é algo a ser pregado somente aos escolhidos, mas a TODOS os homens.
Ter 29 Nov 2016, 19:59 por M.Rogério

» Dom de línguas
Ter 29 Nov 2016, 10:37 por salomão

» ESCOLA BÍBLICA, PRIMEIRA PARTE, NOVEMBRO A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO.
Ter 29 Nov 2016, 07:53 por Henrique

» Escola Bíblica, Novembro. Segunda parte. A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO
Ter 29 Nov 2016, 07:51 por Henrique

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

  DOMINGO É O DIA DO SENHOR ?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
silas gomes de souza
. . .MEMBRO ESPECIAL
.   .   .MEMBRO ESPECIAL


RELIGIAO : cristianismo
Masculino Mensagens : 1628
nascido em : 21/07/1958
inscrito em : 22/11/2012
Idade : 58
Localização : SÃO PAULO - CAPITAL

MensagemAssunto: DOMINGO É O DIA DO SENHOR ?   Sex 30 Nov 2012, 12:27

DOMINGO É O DIA DO SENHOR ?


Os sinceros filhos de Deus sempre defenderam a verdade, em meio a tantos ensinos muitos ficam confusos, quanto ao que se deve crer e obedecer. Eis, portanto nosso dever de analisarmos com profundidade cada doutrina ensinada, para não cairmos em decepção de seguirmos ensinos que não confere com as Santas Escrituras sendo reprovados por Deus.


Dizem os que guardam o domingo como dia do Senhor que nós, os sabatistas, estamos errados em guardarmos o sábado como dia de descanso, porque o dia de descanso do novo Testamento é o domingo e não o sábado. E querendo justificar as suas teorias a respeito da guarda do domingo em lugar do sábado, citam algumas passagens do Novo Testamento em abono ao domingo.


O primeiro dia da semana é apenas mencionado oito vezes em o Novo Testamento e nenhuma destas passagens referem-se ao domingo como sendo dia de guarda e santificação.


As seguintes passagens nos falam a mesma coisa: Mat. 28:1; Marc. 16:1; Luc. 23:54-56; 24:1; João 20:1. “Mas na tarde do sábado, ao amanhecer o primeiro dia da semana, vieram Maria Madalena e a outra Maria ver o sepulcro”. Nada dizem estes textos de ser o domingo dia de guarda; eles apenas referem-se à visita das mulheres ao sepulcro.


Passemos a considerar João 20:19. “E foi na tarde daquele mesmo dia, que era o primeiro da semana, estando fechadas as portas da casa onde os discípulos se achavam juntos, por medo que tinham dos judeus, veio Jesus e pôs-se em pé no meio deles e disse-lhes: “Paz seja convosco.” Esta passagem também nada diz ser o domingo o dia de guarda. O que vemos neste versículo é que os discípulos estavam reunidos não para santificar o domingo, mas porque estavam com medo dos judeus e por isso tinham as portas fechadas.

Os discípulos não podiam mesmo estar santificando o domingo, porque Jesus antes de Sua morte nunca lhes ensinou que deviam guardar o domingo. Não podemos crer que o domingo seja o dia de descanso porque Jesus se manifestou a Seus discípulos nesse dia, pois se assim fosse, teríamos de santificar 40 dias consecutivos, porque em Atos 1:3, diz que Jesus depois de Sua ressurreição, esteve com os discípulos por espaço de 40 dias falando-lhes a respeito do reino de Deus. E por causa disto não vamos guardar 40 dias consecutivos como dias santificados.


“E oito dias depois estavam outra vez os Seus discípulos dentro, e com eles Tomé. Chegou Jesus, estando às portas fechadas, e apresentou-se no meio e disse-lhes: paz seja convosco.” O que aprendemos deste versículo para a guarda do domingo? Nada. O que podemos aprender é que a segunda manifestação de Jesus aos Seus discípulos, não foi no primeiro dia da semana, mas sim, no segundo.

O versículo nos fala bem claro: Oito dias depois. Oito dias daquele dia em que Jesus se manifestou aos Seus discípulos. É o mesmo que dizer, depois da amanhã. Mesmo que fosse a segunda manifestação de Jesus, no primeiro dia da semana, que importância tem para ser o domingo o dia de descanso ? O descanso do sábado, o sétimo dia, é um mandamento do Senhor, por isso Deus disse:


“Lembra-te do dia do sábado para santificá-lo.” Para que o sábado se tornasse separado dos dias comuns, Deus o abençoou e o santificou. O que quer dizer santificar ? Santificar quer dizer separar ou apartar do uso comum para um fim religioso ou sagrado. O hebraísta State define: “Tornar propriedade de Deus, consagrado a Deus;” a terceira e última manifestação de Jesus aos seus discípulos acha-se em João 21:1.


“Depois tornou Jesus a mostrar-se a seus discípulos junto ao Mar de Tiberíades.” Perguntamos:Que dia se manifestou Jesus aos Seus discípulos no Mar de Tiberíades ?


Se foi no primeiro dia da semana, então o domingo não é dia de descanso e santificação exclusivo para Deus, porque os discípulos estavam pescando e Jesus os auxiliou na pesca.


E se não era o primeiro dia da semana isto prova que Jesus não fazia questão do dia para manifestar-se aos discípulos. Então nada vale dizer que o domingo é o dia de descanso ou dia do Senhor, porque Jesus se manifestou aos discípulos nesse dia.


Muitos costumam dizer que guardam o domingo em honra ao Cristo ressuscitado. Quanto a isto, dizemos com segurança, que fazem por conta própria, porque em todo o Novo Testamento, não se encontra uma só passagem que prove a ressurreição no primeiro dia.


Em Atos 20:7, acha-se o cavalo de batalha dos defensores do domingo; diz assim:


“Ora, no primeiro dia da semana tendo ajuntado os discípulos para partir o pão, Paulo. Que havia de fazer jornada no dia seguinte, disputava com eles, e foi alargando o discurso até meia-noite.” Os dominguistas, argumentando este texto, dizem que ele prova a guarda do domingo, porque nesse, dia o primeiro da semana, Paulo celebrou a santa-ceia com os discípulos. Esta afirmação não é verdadeira, porque ninguém pode afirmar que Paulo, só partia o pão no primeiro dia da semana, nem tampouco que aquilo era ceia, ou que tinha sido proibido em o Novo testamento partir o pão em outros dias da semana.


Portanto, este argumento quanto à guarda do domingo, é fraco porque nada diz ser o domingo o dia de guarda.


O dia de guarda e santificação é um mandamento (Dogma) de Deus, ordenando a guarda de um dia e não é simplesmente por incidência qualquer certamente tem havido muitas santas-ceias em todos os dias da semana. Será que por isso todos os dias da semana são dias de guarda ? Certamente que não. Por que o é então o domingo ?

Uma coisa devemos notar que esta reunião em que Paulo partiu o pão, aos discípulos, não era reunião diurna, mas sim noturna, como vemos no versículo 8 que diz: “E havia muitas luzes no Cenáculo onde estavam juntos.” Segundo o calendário bíblico, o dia é contado do pôr-do-sol ao pôr-do-sol. Assim sendo então aquela reunião foi na noite que comumente se chama a noite do sábado, e que era na verdade a noite do primeiro dia da semana. O versículo 11 diz: “E subindo, e partindo o pão, e comendo, e falando-lhes largamente até a alvorada, assim partiu.


“Este versículo prova cabalmente que o primeiro dia da semana não era o dia de santificado, porque Paulo, naquele mesmo dia, primeiro da semana, tinha que começar a sua viagem até Assom. O versículo 13 diz: “Nós, porém, metendo-nos num navio, navegamos até Assom, para recebermos ali Paulo; pois assim o havia ele disposto, devendo fazer a viagem por terra.”


Se Paulo segui viagem no primeiro dia santificado como já dissemos, porque Paulo bem sabia que não era lícito viajar no dia santificado.


Vamos agora examinar I Cor. 16:2; “Ao primeiro dia da semana, cada um ponha de parte alguma soma em sua casa guardando assim o que bem lhe parecer, para que se não façam as coletas quando eu chegar.” Sobre este texto diz um comentarista: “Há quem argumente que este versículo indica terem sido realizadas reuniões no primeiro dia da semana porque se arrecadava uma coleta.

Um exame cuidadoso do texto, porém, revelará precisamente o contrário, que cada pessoa devia pôr de lado uma oferta em sua própria casa e não dá-la numa reunião pública da igreja. Este versículo reza, como segue , em algumas traduções, como a tradução brasileira e a do Padre Antonio Pereira de Figueiredo: “Ao primeiro dia da semana cada um de vós ponha de parte alguma soma em sua casa, guardando assim o que bem lhe parecer, para q1ue se não façam as coletas quando eu chegar.”


Assim se vê que esta oferta especial destinava a ser enviada pelas mãos de Paulo aos santos, pobres de Jerusalém, não era levantada numa reunião religiosa e depositada nas mãos do tesoureiro da igreja, mas simplesmente posta para ser entregue quando Paulo chegasse. Não resta dúvida de que a oferta era tanto para o artigo de vestuário como de alimentação; e porque Paulo não desejasse atender em dia de sábado coisa desta natureza, instruiu os crentes para que o fizessem no primeiro dia da semana, o qual é um dos seis dias úteis de trabalho secular.


Até aqui nenhuma das passagens que se referem ao primeiro dia da semana, justifica ser o domingo dia de guarda ou dia do Senhor.


Por último, temos mais a passagem de Apoc. 1:10: “Eu fui arrebatado no dia do Senhor”.


Muitos, com ar de triunfo, dizem ser o domingo o dia santo do Senhor. Quanto a esta passagem de Apoc. 1:10: o Cônego H. Bressane de Araújo diz o seguinte: “Foi esta a primeira visão que teve João. Depois teve muitas outras. Onde, pois, João Evangelista, manda observar o domingo em lugar do sábado ? Pode alguém provar que todas as visões de João foram no primeiro dia da semana ?


O dia do Senhor de que fala em Apoc. 1:10, não é o primeiro dia da semana, mais sim o sétimo dia, o sábado. Querem vocês uma prova de que o dia do Senhor de Apoc. 1:10 é o sétimo da semana e não o primeiro ? O mesmo apóstolo nos faz entender com bastante clareza; em João 20:1: Ele chama o domingo simplesmente de primeiro dia “E no primeiro dia da semana” e em Apoc. 1:10, livro do mesmo a outor Ele diferencia denominando de dia do Senhor ele diz:”Eu fui arrebatado em espírito no dia do Senhor.” Aí encontramos o autor nos apresentando dois dias bem distintos: “Primeiro dia da semana” e “dia do Senhor.” E o dia do Senhor é em toda a bíblia é o sétimo dia, o “sábado do Senhor”, veja a confirmação do profeta.


“Se desviares o teu pé do sábado e de fazer a tua vontade no meu santo dia, e se chamares ao sábado deleitoso e santo dia do Senhor digno de honra, e o honrares não seguindo os teus caminhos, nem pretendendo fazer a tua própria vontade, nem falar as tuas próprias palavras”.


E o próprio Jesus disse: “Assim o filho do homem (Jesus) até do sábado é o Senhor “. Marcos 2:28. Portanto se Jesus é o Senhor do sábado, logicamente o sábado é o dia do Senhor.


E não poderá ser o primeiro dia da semana, porque só ao sábado foi dado o nome “sábado do Senhor teu Deus, o meu santo dia”. Portanto, o sétimo dia é o dia que João foi arrebatado, Apoc. 1:10.


Antes de findar este estudo, queremos lhes apresentar dois valiosos testemunhos sobre a guarda do domingo: O Rev. Edward F. Wiscox, D. Autor do Manual da Igreja Batista, numa reunião para ministros em Nova York, disse: “ É para mim incompreensível que Jesus, vivendo durante três anos com os Seus discípulos, conversando com eles muitas vezes sobre a questão do sábado , tratando-o nos vários aspectos, ressalvando-o das várias interpretações, nunca se referisse a uma transferência deste dia;mesmo durante os quantos dias após Sua ressurreição tal coisa não foi indicada, pelo menos, quanto ao que saibamos. O Espírito Santo que fora enviado para lhes fazer lembrar tudo quanto haviam aprendido, não tratou desta questão.


Nem ainda os apóstolos inspirados, pregando o evangelho, fundando igrejas, aconselhando e instruindo, discutiram ou abordaram a transferência do sábado para outro dia.


Além disto estou bem certo de que o domingo foi posto em uso como dia religioso, bem no principio da historia cristã, pois assim aprendemos dos pais da igreja e de outras fontes. Mas que pena ter vindo ele (domingo) estigmatizado com a marca do paganismo e crismado com o nome do deus sol, quando adorado e sancionado pela apostasia papal, e dado ao protestantismo como legado sagrado !”


Rev. Galdino Moreira, pelo “O Puritano, órgão oficial (à época) da igreja Presbiteriana no Brasil ofereceu à Igreja Batista a esplêndida quantia de dois mil contos de réis para uma passagem das escrituras, que de um modo claro e positivo, afirmasse ser o domingo o dia de guarda e santificação – “O Puritano” 07/05/1925. Já decorreram 84 anos e a Igreja Batista ainda não encontrou na Bíblia uma passagem que de modo positivo afirme que o domingo é o dia de guarda, instituído por Deus.


Se alguém nos apresentar um único texto da Bíblia que diga positivamente, quando onde e por que foi o sábado do sétimo dia abolido ou transferido para o domingo, eu me comprometo diante de Deus e dos homens, fazer com que todos os sabatistas companheiros e outros do Brasil adiram para guardar o domingo.


Ficaremos aguardando resposta desta proposta com respostas bíblicas que afirmem que Jesus ou Seus discípulos tenham ordenado a santificação do domingo.


A não ser assim continuamos com a Bíblia e a palavra do criador do sábado que diz:


“Porque Eu, o Senhor, não mudo,” “Não quebrarei o meu concerto, e não alterarei o que saiu dos meus lábios. - Malaquias 3:6; - Salmos 89:34.


Saiba Mais: “Jesus ressuscitou no sábado”

AUTOR : Silas G.
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
DOMINGO É O DIA DO SENHOR ?
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» A PAZ DO SENHOR JESUS E BOM DIA TODOS.
» Passagens no VT que falam do Senhor Jesus Cristo...
» QUEM REALMENTE PODE PARTICIPAR DA SANTA CEIA DO SENHOR JESUS?
» SENHOR DEUS TRAGA L.F.S URGENTE PRA MIM K.R.R
» De onde é que os demônios conheciam o Senhor Jesus como Filho de Deus?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM ESTUDOS BÍBLICOS-
Ir para: