SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seConectar-se

“Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem” Hebreus 11.1

ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
23 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 23 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
» Minuto com Deus!!!
Hoje à(s) 11:19 por Paulo Cezar

» Eleita Melhor Música Evangélica Gospel 2015 LANÇAMENTO!
Ontem à(s) 10:28 por Paulo Cezar

» Linda canção. ponte sobre as águas turbulentas (elvis Preslei)
Ontem à(s) 10:25 por Paulo Cezar

» ESCOLA BÍBLICA - FÉ !!! 7 características ligadas à ela !!! (Aula 3 - Abril/2017)
Qua 26 Abr 2017, 22:41 por B.V.

» GOVERNO VAI PROMOVER ISLAMISMO!
Qua 26 Abr 2017, 21:08 por Henrique

»  POR QUE DEVO IR A IGREJA?
Ter 25 Abr 2017, 14:54 por Henrique

» Crislamismo: como a mídia vem tentando convencer que muçulmanos e cristãos adoram o mesmo deus
Dom 23 Abr 2017, 19:55 por Henrique

» CONFIE NO SENHOR, E ORE
Sab 22 Abr 2017, 16:13 por Paulo Cezar

»  Refugiados muçulmanos estão agredindo cristãos nas ruas da Austrália, denuncia pastor.
Sab 22 Abr 2017, 10:19 por Henrique

» Frase do dia.
Sex 21 Abr 2017, 16:41 por Henrique

»  SABE QUEM FOI TIRADENTES?
Sex 21 Abr 2017, 13:59 por Henrique

» O QUE FOI A REFORMA PROTESTANTE? 500 anos da reforma.
Qui 20 Abr 2017, 21:57 por Henrique

»  O QUE FOI A REFORMA PROTESTANTE? 500 anos da reforma. Parte 2
Qui 20 Abr 2017, 21:52 por Henrique

» FALE ÁS SUAS LÁGRIMAS
Qui 20 Abr 2017, 19:56 por Henrique

» Paul Washer pregou para todos no hospital, revela pastor que o visitou
Qua 19 Abr 2017, 21:12 por Henrique

» NÃO VOS ASSEMELHEIS A ELES. Mt.23.
Ter 18 Abr 2017, 23:37 por guganic

» 10 princípios bíblicos para honrarmos a Deus nas finanças
Seg 17 Abr 2017, 20:09 por Henrique

» A Bíblia não é contra as mulheres (Quadrinho)
Seg 17 Abr 2017, 17:40 por Henrique

» Estratégia de evangelizar crianças tem levado famílias muçulmanas inteiras a Cristo, diz missionário
Seg 17 Abr 2017, 12:58 por Henrique

» ESCOLA BÍBLICA - FÉ !!! Definição e exemplos !!! (Aula 2 - Abril/2017)
Sab 15 Abr 2017, 11:41 por B.V.

» Sexta-feira da Paixão: “A morte de Jesus não o torna mártir, e sim o Salvador”, diz Billy Graham
Sex 14 Abr 2017, 23:41 por Henrique

»  A PÁSCOA
Qui 13 Abr 2017, 23:12 por Henrique

» O vinho do grande Rei DEVOCIONAL
Ter 11 Abr 2017, 23:16 por Henrique

» Testemunho Forte e Impactante do Ex Bandido Caveirinha
Ter 11 Abr 2017, 17:05 por Paulo Cezar

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

 ENTRE O SÁBADO, O DOMIGO, E JESUS. Ex.31.12-18.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
guganic

avatar

Mensagens : 2063
inscrito em : 08/08/2011

MensagemAssunto: ENTRE O SÁBADO, O DOMIGO, E JESUS. Ex.31.12-18.   Qua 28 Nov 2012, 12:42

ENTRE O SÁBADO, O DOMIGO, E JESUS.
                Ex.31.12-18.


Ex.31.12
Falou mais o Senhor a Moisés, dizendo:
Vs.13
Tu, pois, fala aos filhos de Israel, dizendo: Certamente guardareis meus sábados; porquanto isso é um sinal entre mim e vós nas vossas gerações; para que saibais que eu sou o Senhor, que vos santifica.

Vs.14
Portanto guardareis o sábado, porque santo é para vós; aquele que o profanar certamente morrerá; porque qualquer que nele fizer alguma obra, aquela alma será eliminada do meio do seu povo.

Vs.15
Seis dias se trabalhará, porém o sétimo dia é o sábado do descanso, santo ao Senhor; qualquer que no dia do sábado fizer algum trabalho, certamente morrerá.

Vs.16
Guardarão, pois, o sábado os filhos de Israel, celebrando-o nas suas gerações por aliança perpétua.

Vs.17
Entre mim e os filhos de Israel será um sinal para sempre; porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, e ao sétimo dia descansou, e restaurou-se.

Vs.18.
E deu a Moisés (quando acabou de falar com ele no monte Sinai) as duas tábuas do testemunho, tábuas de pedra, escritas pelo dedo de Deus.

Moisés ouviu da boca de Deus (vs.13) que ele (Moisés) juntamente com os filhos de Israel tinha a obrigação de guardar o sábado.

- Como não sou seguidor de Moisés e nem de Ellen G. Whitte e nem mesmo israelita não tenho esta obrigação.

Portanto (vs.14) guardareis o sábado, porque santo é para vós;

- Como não sou seguidor de Moisés e nem de Ellen G. Whitte, nem mesmo israelita, o sábado não é santo para mim e por isto não me torno transgressor do mesmo.

Qualquer que no dia do sábado (vs.15) fizer algum trabalho, certamente morrerá.

- Como não sou seguidor de Moisés e nem de Ellen G. Whitte e nem mesmo israelita, não corro o nenhum risco de morrer por este único motivo.

– Mas nem por isto sou inimigo do sábado ou inimigo de nenhum mandamento de Deus (Absurdo!).

Guardarão, pois, o sábado os filhos de Israel, (vs.16) celebrando o nas suas gerações por aliança perpétua.

- Como não sou seguidor Moisés, e nem de Ellen G. Whitte, e nem mesmo Israelita ou judeu prosélito, fico fora desta ordem divina que nunca foi direcionada a mim em tempo algum.

Entre mim (vs.17) e os filhos de Israel será um sinal para sempre.

- Como não sou filho de Israel (israelita) o mesmo não é um sinal entre mim e Deus.

O sábado foi instituído como um sinal de relacionamento particular entre Deus e Israel como seu povo especial.

Por esta razão os profetas insistiam na observância do mesmo, pois para eles os judeus, era uma indicação da condição espiritual deles e não nossa, os gentios salvos na Pessoa Bendita de Jesus.

Até os animais irracionais (Ex.20.10) não deveriam trabalhar no sábado. - Os mesmo entrarão no repouso (espiritual) de Deus?

Não nos tornamos inimigos da Lei só porque vivemos na graça; e si assim for, os apologistas do sábado são inimigos da graça também; ou não?

O SÁBADO é o único mandamento do Decálogo que não é repetido depois do dia de Pentecostes.

Depois do dia de Pentecostes (At.2.46,27) o povo passou a adorar a Deus no templo todos os dias com singeleza de coração.

Depois disto não foi imposta nenhuma observância especial a nenhum dia a não ser as coisas necessárias como está escrito:

At.15.28.
Na verdade pareceu bem ao Espírito Santo e a nós, não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias:
Vs.29
Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da prostituição, das quais coisas bem fazeis se vos guardardes. Bem vos vá.

Pareceu bem ao Espírito Santo (vs.28.) e a nós... (os apóstolos).

- Será que o Espírito Santo e os apóstolos devem ser tachados de inimigos do Decálogo por não colocar entre as “coisas necessárias” o sábado do quarto mandamento?

Nossa inspiração para ler e ter revelações da palavra de Deus não provêem de certa senhora que se auto intitula e aclama ser detentora da verdadeira revelação “dada” a ela pelo “Espírito Santo”.

“Mediante a iluminação do Espírito Santo, as cenas do prolongado conflito entre o bem e o mal foram PATENTEADAS à  autora destas paginas”. - Livro o Grande conflito, pagina 12. Ellen G.White.

A verdadeira revelação são as Sagradas Escrituras e já veio pronta e completa e justa.

A mesma senhora explica “COMO FOI MUDADO O SÁBADO”, com base em Dn 7.25.

A coitada só não sabia que bem antes de Constantino, e no fim do período apostólico, a Igreja primitiva, os cristãos sem nenhuma coação da parte de Deus e naturalmente adoravam todos os dias.

Os discípulos de Moisés ensinam que Constantino em 321 d.C. e a igreja Católica e 364 d.C. mudaram o sábado para o domingo.

Estes não mudaram só oficializaram o que a igreja primitiva do final do período apostólico já fazia oficiosamente por 300 anos antes.

As enciclopédias: Britânica, a New Internacional Encyclopedia, a Enciclopédia Católica, a Internacional Standard Bible Encyclopedia , tratam muito bem desta parte da história.

E para quem não sabe até a História está sob o governo de Deus.

Vou parar por aqui, pois é mais importante a pregação do Evangelho de Cristo que é poder de Deus para a salvação de todo aquele que nele crer.

Antes porem quero deixar claro que a Bíblia NÂO DIZ que guardar o domingo é uma instituição humana.

A Bíblia NÂO DIZ que os cristãos devem guardar o velho sábado judeu.

A Bíblia NÃO DIZ que os cristãos são obrigados a guardar um dia da semana.

A Bíblia não diz que todos os que guardam o domingo tem a marca da besta ou estão perdidos. Esta afirmação é de quem não conhece Bíblia e muito menos o amor de Deus.

A Bíblia não diz que o quarto mandamento faz parte da Nova Aliança baseada no Sangue de Cristo.

A Bíblia não diz que o sábado do quarto mandamento NÂO ESTÁ INCLUIDO nos “sábados” que foram abolidos na cruz.

Criaram uma “classificação” de leis para assim terem condições de saírem pela tangente quando necessário for.

Chamam a lei de Lei Moral e Lei Cerimonial; os DEZ MANDAMENTOS são as Leis Moral chamada de Lei de Deus.

E a Lei Cerimonial, chamada por eles de Lei de Moisés. Essa invencionice não passa de um arranjo que não pode ser confirmado nas Sagradas Escrituras.

Sempre houve um só Deus e um só Legislador.

Os preceitos morais, cerimônias e civis tiveram origem em Deus, assim como o Decálogo; Moisés apenas promulgou.

Moisés foi o legislador escolhido por Deus para isto. Daí a nomeação de Lei de Deus, Ou Lei do Senhor ou Lei de Moisés.

Os preceitos tanto do Decálogo como fora dele são chamados de Lei de Deus e também Lei de Moisés.

Agora cada um tem o direito de escolher a quem servir... Se a Moises, se a Cristo, se a senhora Whitte, se a uma denominação, se à lei ou a quem quer que seja.

Agora tachar alguém de perdido por não defender a mesma fé?

Não cabe a nenhum homem por mais iluminado que  equivocadamente pensa ser classificar os demais de perdidos ou inimigos do Decálogo.

Espero que os tais aprendam com Jesus, pois o sábado e o domingo não têm nada a nos ensinar ou nos santificar.

Entre o Sábado e o Domingo fico com Jesus.

Entre Judeus e gentios fico com Jesus.

Entre Moisés e a senhora Whitte, fico com Jesus.

Não tratarei mais deste assunto aqui no fórum

Pois é muito mais produtivo pregar o Evangelho que é: Boas Novas de Salvação.

Não estou nem aí para o Sábado ou o Domingo ou qualquer outro dia.


Guganic


Última edição por guganic em Dom 01 Jun 2014, 00:13, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
jairo nuness
. . .MEMBRO ESPECIAL
.   .   .MEMBRO ESPECIAL
avatar

RELIGIAO : cristão
Masculino Mensagens : 3428
nascido em : 29/05/1958
inscrito em : 19/07/2013
Idade : 58
Localização : TAPIRATIBA SÃO PAULO.

MensagemAssunto: Re: ENTRE O SÁBADO, O DOMIGO, E JESUS. Ex.31.12-18.   Sab 31 Maio 2014, 20:18

sobe.

-







-
4 - O fórum se reserva o direito de excluir ou editar qualquer conteúdo que traga prejuízo a Palavra do Senhor, ou a uma pessoa ou  entidade bem como ao próprio fórum,  como palavras inadequadas , difamatorias , ou agressivas, assuntos ou títulos inadequados ou ofensivos a qualquer entidade ou pessoa.

http://gospel-semeadores-da.forumeiros.com/t9043-regras-
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
ENTRE O SÁBADO, O DOMIGO, E JESUS. Ex.31.12-18.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Jesus Ressuscitou no Sábado... (?!)
» Por que Jesus quebrantava o sábado?
» Onde Jesus esteve entre os doze e trinta anos?
» Qual a diferença entre a segunda vinda de Cristo e o arrebatamento?
» O grande paralelismo que há entre Cristo e Moisés!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM ESTUDOS BÍBLICOS-
Ir para: