SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seLogin
Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a pela fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim. ” Gálatas 2:20
ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
19 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 19 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
» Deus é quem criou o diabo ?(mas sobre predestinação)
Ontem à(s) 18:27 por B.V.

»  MOVIDOS PELA GRAÇA At.4.32-35
Ontem à(s) 15:21 por guganic

»  Fiquei sobremodo alegre pela vinda de irmãos e pelo seu testemunho da tua verdade... DEVOCIONAL
Sex 02 Dez 2016, 09:43 por Henrique

» 30 LOUVORES QUE EDIFICAM PARA OUVIR EM 2017 - As Melhores Músicas Gospel
Qui 01 Dez 2016, 20:28 por Paulo Cezar

» Musicas Gospel para ouvir , Orar e Meditar.
Qui 01 Dez 2016, 20:27 por Paulo Cezar

» VERSICULO DO DIA
Qui 01 Dez 2016, 16:27 por Paulo Cezar

» Minuto com Deus!!!
Qui 01 Dez 2016, 09:52 por Paulo Cezar

» FILHOS NUMA TERRA DISTANTE Lc. 15.11-16
Qua 30 Nov 2016, 12:29 por guganic

» Pastora Sarah Sheeva “zera” as redes sociais com post sobre seus “10 anos sem ver aquilo maravilhoso
Qua 30 Nov 2016, 08:23 por Henrique

» Frase do dia.
Ter 29 Nov 2016, 20:32 por M.Rogério

» O mal uso da internet
Ter 29 Nov 2016, 20:27 por M.Rogério

» O Evangelho não é algo a ser pregado somente aos escolhidos, mas a TODOS os homens.
Ter 29 Nov 2016, 19:59 por M.Rogério

» Dom de línguas
Ter 29 Nov 2016, 10:37 por salomão

» ESCOLA BÍBLICA, PRIMEIRA PARTE, NOVEMBRO A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO.
Ter 29 Nov 2016, 07:53 por Henrique

» Escola Bíblica, Novembro. Segunda parte. A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO
Ter 29 Nov 2016, 07:51 por Henrique

» A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO. Comentários
Ter 29 Nov 2016, 07:40 por Henrique

»  Escola Bíblica, Novembro. Terceira parte. A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO
Ter 29 Nov 2016, 07:34 por Henrique

» A origem do dia de sábado
Sex 25 Nov 2016, 20:35 por salomão

» A VERDADEIRA LIBERDADE - Para proclamar libertação aos cativos. (Lucas 4.18) DEVOCIONAL
Sex 25 Nov 2016, 10:22 por Henrique

» O ÚNICO MANDAMENTO (Jo. 2.1-11) ... DE MARIA.
Qui 24 Nov 2016, 15:53 por guganic

» SIMEÃO E A PROFUNDA AFLIÇÃO DE MARIA Lc. 2.25-35
Qui 24 Nov 2016, 15:42 por guganic

» Evangelista Mauro Ferreira , Mensagens aos jovens
Qui 24 Nov 2016, 15:10 por elizeu crepaldi

» Que a Biblia diz sobre batismo pelos mortos.
Qua 23 Nov 2016, 21:20 por Henrique

» Papa estende a todos os padres poder de perdoar aborto
Qua 23 Nov 2016, 21:09 por Henrique

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

 O Pastor e o Barbeador

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
M.Rogério
. . .MEMBRO ESPECIAL
.   .   .MEMBRO ESPECIAL


RELIGIAO : Cristianismo
Masculino Mensagens : 3292
nascido em : 19/09/1972
inscrito em : 01/09/2011
Idade : 44
Localização : Anápolis

MensagemAssunto: O Pastor e o Barbeador    Sab 17 Nov 2012, 08:57

Desde que foi designado a pastorear uma pequena igreja, aquele pastor já chegou intrigado justamente com o fato dela ser tão pequena, já que a mesma tinha muitos anos de fundação, ficava em um bairro nobre e que é bastante populoso. Isso realmente não fazia sentido...

Mas aos poucos, o novo líder foi descobrindo o porquê da falta de progresso, tanto espiritual quanto numérico: ele percebeu que os membros só chegavam atrasados aos cultos (principalmente aos domingos pela manhã); que ninguém se dispunha a trabalhar nos Ministérios; que nos cultos de oração os frequentadores eram sempre os mesmos (“dois ou três reunidos...”) e que, as pessoas dali não tinham vibração, eram crentes frios, insensíveis, indiferentes... E aquele pastor ficou deveras preocupado com tudo aquilo, precisava fazer algo, e em sua mente começou a arquitetar algo que pudesse mudar aquele quadro.

Daí, o Pastor começou a formular mensagens de encorajamento, de despertamento, de motivação... e suas mensagens realmente mexiam com o brio de qualquer um que as ouvissem, eram bastante claras, diretas e objetivas, e isso despertava a atenção de todos... Todavia, passado aqueles momentos, os seus sermões caiam num vazio, os ouvintes achavam interessantes as palavras mas não colocavam-nas em prática, e tudo voltava a funcionar como sempre... crentes retardatários, preguiçosos e inflexíveis...

Então, num domingo a noite, quando o culto é o mais concorrido, o pastor mudou totalmente a liturgia, aumentou o número de cânticos, de participações musicais, de avisos... e quando já lhe sobrava pouco tempo para a mensagem, subiu ao púlpito e ficou calado por alguns instantes, então abaixou-se e começou a pegar alguns objetos que estavam atrás da tribuna e os colocou sobre a mesma: uma bacia com água, um espelho, uma toalha, um sprey de espuma e um aparelho de barbear. Nem sequer cumprimentou a igreja, e, tranquilamente, colocou água na bacia, testou a temperatura, ajeitou o espelho, passou espuma no rosto, e começou a se barbear... Gastou alguns minutos nisso, mas que pareceram uma eternidade para os presentes.

Ao final, quando todos esperavam que o pastor fosse dar um desfecho maravilhoso e que lhes fosse apontar uma "moral da história", ele simplesmente enxugou o rosto com a toalha, encerrou o culto com uma oração e despediu o povo de volta para as suas casas.

Aquela semana, que era a Semana de Oração, foi totalmente atípica. O povo se reuniu em bom número e comentou aquele fato todos os dias, tentado adivinhar o significado de tudo aquilo: “Que mensagem ele quer nos passar?”, “Qual é o simbolismo espiritual do seu barbear-se?”. Mas o pastor não compareceu em nenhum daqueles dias para desvendar o mistério, ele estava fazendo um curso à noite.

No domingo seguinte, quando enfim ele subiu novamente àquele púlpito, a igreja estava cheia, e cheios de expectativas... O pastor olhou para a congregação e disse-lhes:

- Sei que vocês querem saber o significado do que fiz aqui neste púlpito na semana passada. Bem, eu vou lhes dizer: não há significado algum! nenhum simbolismo e nenhum desfecho maravilhoso. Nenhuma mensagem e nenhuma "moral da história". No entanto, se podemos tirar alguma lição disto tudo, ela é a seguinte: Há meses venho apresentando para vocês a mensagem bíblica, mas não tenho visto nenhuma mudança em suas vidas. As mensagens têm caído no esquecimento, tão logo vocês saem do templo. Eu gostaria que vocês aproveitassem mais pra suas vidas o que o Senhor tem lhes falado nas Pregações, e que as colocassem em prática, e que também comentassem mais os sermões durante a semana, assim desse mesmo modo como se dispuseram a comentar o meu barbear nestes últimos dias... ou será que a minha barba é mais importante para vocês que a Palavra de Deus?

"Tenham cuidado com a maneira como vocês vivem; que não seja como insensatos, mas como sábios" (Efésios 5: 15)

-







-
"Somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas" (Efésios 2:10). 
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O Pastor e o Barbeador
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Nazismo e religião: visão de um pastor
» Profissão: Pastor
» DIA DO PASTOR QUADRANGULAR!!!!!
» Pastor comete suicídio enquanto a igreja o esperava para culto de domingo
» FOTOS DA IGREJA DO PASTOR Edvaldo Uruoca/ce postada pelo pastor fransisco santos.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM DOS AMIGOS E ASSUNTOS GERAIS.-
Ir para: