SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seConectar-se

Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor. Romanos 6:23

ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
20 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 20 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
» E.B. Tema: DISSE JESUS: EU SOU A VIDA! II Semestre outubro de 2018 Pt III
Sab 20 Out 2018, 20:19 por guganic

» Islâmicos pedem o enforcamento de cristã que questionou a crença em Maomé, no Paquistão
Ter 16 Out 2018, 21:04 por M.Rogério

» O que devemos orar?
Ter 16 Out 2018, 20:56 por M.Rogério

» A Crescente Crise por trás da História Evangélica de Sucesso no Brasil
Ter 16 Out 2018, 20:46 por M.Rogério

» O Papel da Lei na Evangelização
Ter 16 Out 2018, 20:39 por M.Rogério

» E.B. Tema: DISSE JESUS: EU SOU A VERDADE! II Semestre outubro de 2018 Pt II
Sab 13 Out 2018, 12:03 por guganic

» O que é a Oração do Senhor?
Seg 08 Out 2018, 21:00 por Henrique

» E.B. Tema: DISSE JESUS: EU SOU O CAMINHO! II Semestre outubro de 2018 Pt I
Sab 06 Out 2018, 07:25 por guganic

» 13 razões porque não vou votar no PT
Ter 02 Out 2018, 08:19 por Henrique

» ESCOLA BÍBLICA - AS VIAGENS MISSIONÁRIAS DE PAULO! A Terceira e a Quarta! (Aula 4 - Setembro/2018)
Dom 30 Set 2018, 19:57 por B.V.

» Líderes evangélicos lançam manifesto pedindo que fiéis apoiem candidatos conservadores
Sex 28 Set 2018, 21:17 por Henrique

» Columa50 Seja bem vindo.
Qui 27 Set 2018, 23:51 por guganic

»  A CONTRADIÇÃO E O CAMINHO DE CORÉ. Nm.16.(Uma palavra pastoral)
Qui 27 Set 2018, 23:43 por guganic

» ESCOLA BÍBLICA - AS VIAGENS MISSIONÁRIAS DE PAULO! A Segunda! (Aula 3 - Setembro/2018)
Qua 26 Set 2018, 21:20 por B.V.

» “Tô vivo por uma obra de Deus”, diz Jair Bolsonaro
Ter 25 Set 2018, 19:35 por M.Rogério

» Com que atitude devemos orar?
Seg 24 Set 2018, 21:55 por Henrique

» Dizimos a vergonha no meio da graça
Dom 23 Set 2018, 13:06 por Henrique

» O Lutador !!
Dom 23 Set 2018, 12:11 por jairo nuness

» O que produz um sermão poderoso?
Sab 22 Set 2018, 17:44 por Henrique

» Mostrando aquilo que a Igreja não prega
Sex 21 Set 2018, 22:34 por M.Rogério

» “Espelho da Vida”: Nova novela da Globo ensinará espiritismo
Sex 21 Set 2018, 22:30 por M.Rogério

» SALA ESPECIAL DOS LOUVORES
Sex 21 Set 2018, 21:23 por M.Rogério

» ESCOLA BÍBLICA - AS VIAGENS MISSIONÁRIAS DE PAULO! A Primeira! (Aula 2 - Setembro/2018)
Ter 18 Set 2018, 21:57 por B.V.

» O que é a oração?
Seg 17 Set 2018, 21:21 por Henrique

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

  AS PROMESSAS E A SOBERANIA DE DEUS. Pt.1 Escola Bíblica junho de 2016

Ir em baixo 
AutorMensagem
guganic

avatar

Mensagens : 2156
inscrito em : 08/08/2011

MensagemAssunto: AS PROMESSAS E A SOBERANIA DE DEUS. Pt.1 Escola Bíblica junho de 2016   Sab 04 Jun 2016, 00:55

              AS PROMESSAS E A SOBERANIA DE DEUS
                                  Fp. 2.13  - Pt. I –
 
Fp. 2.13
Porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a Sua boa vontade.
 
As promessas de Deus não são amuletos da sorte ou razões para trazer sorte ao homem, ou à mulher; mas um cumprimento da Sua Palavra.
 
O cumprimento da Palavra de Deus é segundo os seus soberanos propósito para nossas vidas. 

Cada promessa de Deus surge de um propósito porque cada propósito gera uma promessa.
 
Nada com Deus é casual ou produto do acaso. 

Se há uma promessa ela vem de Deus por causa do propósito. 

O propósito de Deus vem antes da promessa. A promessa é a conseqüência do propósito.
 
Muitas vezes Deus quer, mas não efetua; mas todas as vezes que Deus efetua é porque quis efetuar segundo a Sua boa vontade. – Ainda que tal vontade por vezes possa nos parecer “estranha” –
 
As promessas de Deus não são receitas mágicas a serviço do homem ou a serviço de alguém.
 
Ninguém deve a seu bel-prazer lançar mãos das promessas de Deus para de um modo particular, exigir, declarar, ou determinar que as coisas aconteçam a seu modo.
 
Quem opera, efetua, determina segundo a sua própria vontade é Deus e não segundo a vontade de alguém travestido de sacerdote ou fantasiado de homem de Deus.
 
A excelsa soberania de Deus é uma marca registrada, uma marca exclusiva de Sua Pessoa e tudo andam sob o Seu absoluto controle. – Ainda que por vezes não nos pareça ser assim – (Dn. 2.21,22 - Is. 55.11)
 
Há sim, da parte humana e da parte do próprio diabo, tentativas de frustrar os planos de Deus, mas a vontade de Deus é soberana e predisposta para acontecer do modo que Deus determinou.
 
“Bem sei que podes fazer todas as coisas; (Jó. 42.2) e nenhum dos teus planos ou pensamentos pode ser abalado”.  – Ainda que não pareça é assim que as coisas funcionam com Deus –
 
Os planos de Deus para a vida de Jó se cumpriram cabalmente ainda que ele tenha passado pelo vale da sombra e morte.
 
Deus é tão Soberano em suas atitudes e execução de planos e promessas que até permite que o homem coopere na realização de seus propósitos sobre a terra ou vida de alguém, pela sua livre decisão.
Quando servimos a Deus de todo o nosso coração estamos cooperando na execução de planos e promessas e propósitos sobre a terra ou vida de alguém, que são na realidade planos, promessas e propósito de autoria Dele, Deus.
 
O homem com seu livre arbítrio têm o direito concedido por Deus de aceitar ou rejeitar participar dos planos de Deus.
 
Porém, na dúvida sobre o que fazer, se o homem tomar a decisão de dirigir seu pensamento a Cristo, sobre o que fazer a respeito da decisão a ser tomada?
 
Mediante o poder da graça aplicada em sua vida pelo Espírito Santo de Deus, este homem passa a cooperar nas realizações dos planos, promessas e propósitos de Deus para sua própria vida ou de outrem.
 
Concernente a salvação: Cabe-nos vivenciar a salvação e demonstrar os seus resultados na nossa vida, a fim de que tanto o querer como o efetuar de Deus sejam vistos em nós.
 
As promessas de Deus registradas nas Escrituras Sagradas funcionam em qualquer situação; particular ou geral: mas elas funcionam. – Ainda que por vezes não pareça –
 
Isto é como um parâmetro para medir se aquilo que buscamos é coerente ou não com aquilo que de antemão Deus prometeu.
 
O que não couber neste principio é fruto do egoísmo humano; certamente é para deleite da carne; não é para a glória de Deus.
 
As promessas de Deus não são meios para promoção pessoal do homem ou da denominação, ou da “igreja”.
 
As promessas de Deus não encerram nenhum vislumbre de sensacionalismo; não são recursos para serem tomados aqui ou ali, ao gosto dos vendilhões da fé e da vontade humana.
 
As promessas de Deus estão soberanamente inseridas no contexto da história da salvação de todo aquele que em Cristo crer desde antes da eternidade e da fundação do mundo.
 
As promessas de Deus cumprem o que de antemão o próprio Deus já designou a favor do Seu povo, como é o caso da promessa da salvação em Cristo.
 
A Soberania de Deus é real, ainda que para muitos esta soberania pareça não existir.
 

Na próxima aula estudaremos “O caráter das promessas de Deus”


Guganic
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
AS PROMESSAS E A SOBERANIA DE DEUS. Pt.1 Escola Bíblica junho de 2016
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Escola Bíblica junho de 2017. Tema: JESUS CRISTO O FILHO DE DEUS Lição n° 2
» Escola Bíblica junho de 2017. Tema: JESUS CRISTO O FILHO DE DEUS Lição n° 1
» John Piper - Como Deus pôde Matar Mulheres e Crianças?
» Escola Bíblica: Família um projeto de Deus. Considerações finais: O que ensinar aos meus filhos?
» Escola Bíblica. Família um projeto de Deus. A família e o conflito de gerações. Parte 4.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: Escola Bíblica-
Ir para: