SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seConectar-se

Porque, se com a tua boca confessares Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo; Romanos 10.9

http://i.imgur.com/WOeDEht.jpg
ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
21 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 21 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
» Minuto com Deus!!!
Ontem à(s) 00:53 por Paulo Cezar

» QUANDO NÃO HÁ PROFECIA...Pv.29.12. O povo se corrompe.
Ter 21 Nov 2017, 19:32 por guganic

» 200 igrejas são atacadas e símbolos cristãos destruídos por islâmicos
Ter 21 Nov 2017, 15:48 por Henrique

» Zimbábue: Como a oração derrotou a ditadura mais longa do mundo
Seg 20 Nov 2017, 12:11 por Henrique

» A todos adiministradores e membros do forum .
Seg 20 Nov 2017, 12:04 por Henrique

» Damares - Na Mesa do Rei
Seg 20 Nov 2017, 11:50 por jairo nuness

» Como permanecer encorajado quando você quer desistir (Parte 2)
Sab 18 Nov 2017, 20:09 por Henrique

» Frase do dia.
Sex 17 Nov 2017, 21:35 por Henrique

» Como permanecer encorajado quando você quer desistir
Sex 17 Nov 2017, 20:04 por Henrique

» Quais os requisitos bíblicos para o batismo?
Qui 16 Nov 2017, 10:50 por Henrique

» NOS ÚLTIMOS TEMPOS...
Qua 15 Nov 2017, 18:39 por Henrique

» Nós não assistimos o culto, mas prestamos culto!
Ter 14 Nov 2017, 23:38 por Henrique

» O amor de Deus é condicional?
Sab 11 Nov 2017, 15:08 por Henrique

» A PRÁTICA DO JEJUM - (Mt.9.14,15) Sua participaçãoa aqui.
Qui 09 Nov 2017, 22:47 por Henrique

» Como eu posso buscar Deus de forma consciente?
Qui 09 Nov 2017, 21:48 por Xnessax15

» A DOUTRINA DO DÍZIMO. Pt. 5 A PALAVRA DE CRISTO SOBRE O DÍZIMO
Seg 06 Nov 2017, 16:12 por guganic

» Como é que DEUS teria permitido algo horroroso assim acontecer no dia 11 de setembro
Dom 05 Nov 2017, 21:26 por Henrique

» DE QUE SE QUEIXA O HOMEM?
Sab 04 Nov 2017, 02:26 por guganic

» É pecado fazer juramentos?
Sex 03 Nov 2017, 22:27 por Henrique

» Cristãos são expulsos de cafeteria por proprietário gay
Qui 02 Nov 2017, 16:35 por M.Rogério

» É pecado o uso de camisinha ( preservativo ) nas relações sexuais?
Qua 01 Nov 2017, 21:43 por Henrique

» Melhor é ir à casa onde há luto do que ir a casa onde há banquete
Qua 01 Nov 2017, 20:58 por Henrique

» Aos gritos de “Alá é grande”, terrorista muçulmano mata oito pessoas em Nova York
Qua 01 Nov 2017, 10:10 por Henrique

» Católicos invadem culto para protestar contra Reforma
Qua 01 Nov 2017, 09:54 por Henrique

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

  A LINGUAGEM DAS LÁGRIMAS E DO CHORO. Lc. 7. 11-17

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
guganic

avatar

Mensagens : 2107
inscrito em : 08/08/2011

MensagemAssunto: A LINGUAGEM DAS LÁGRIMAS E DO CHORO. Lc. 7. 11-17   Dom 20 Mar 2016, 01:16

  A LINGUAGEM DAS LÁGRIMAS E DO CHORO
                                  Lc. 7.11-17.
 
 
Vs.13
Ao observá-la, o Senhor se compadeceu dela e a encorajou: Não chores!
 
O milagre da ressurreição do filho da viúva da cidade de Naim teve como objetivo principal demonstrar o poder que Jesus tem sobre a morte.
 
Só Jesus tem todo o poder e autoridade para trazer de volta à vida quem quer que seja.
 
Em que momento desta narrativa a viúva pediu para Jesus ressuscitar o seu filho? Quantas vezes ela orou neste sentido? A Bíblia não diz.
 
Mas o que se sabe é que ela chorava; mesmo acompanhada de uma grande multidão não havia nela quem pudesse consolá-la.
 
Naim ainda hoje é uma pequena cidade situada no sopé do monte Tabor. Naim quer dizer graciosa, bela, charmosa, mas para a viúva era o lugar dos seus infortúnios.
 
Num ato de solidariedade a cidade compareceu em peso para o momento mais triste da vida daquela viúva. Isto nos leva a entender que ela era uma viúva honrada na cidade.
 
Às portas da cidade Jesus e seus discípulos encontram os que saiam ao enterro, à grande multidão. Jesus ao observá-la, lhes diz: Não chores!
 
Chegando, tocou o esquife, e, parando a multidão disse: Jovem, eu te mando, levanta-te.  Sentou-se o que estava morto e começou a falar. (14,15).
 
Jesus não age apenas porque tem o poder, mas porque é movido pelo amor, pois Jesus é amor.
 
Jesus não age em nossas vidas só porque tem todo o poder, mais por causa do seu amor e da sua compaixão também.
 
O amor de Cristo e Sua compaixão foram atraídos pelas lágrimas da viúva de Naim. 
Muitas vezes choramos e temos pressa em enxugar as nossas lágrimas como se isto fosse um ato vergonhoso ou um ato de fraqueza, no caso dos homens.
 
Sabe por que Jesus ressuscitou o filho da viúva? Porque ele teve compaixão dela, compaixão das suas lágrimas e da sua dor.
 
Lágrimas são orações silenciosas, e o choro é a linguagem que desperta e atrai o coração de Deus em nossa direção.
 
Jesus leu o que cada lágrima escorrida no rosto daquela mãe queria dizer, e ela não disse por que não cabia em palavras.
 
Por isto Jesus a acalentou com um sonoro: Não chores. Jesus que fazer o mesmo contigo se é que andas chorando.
 
Você já parou para refletir que o filho da viúva era a única coisa que dava alegria e sentido a sua vida? Vivendo sem marido agora ia viver sem o único filho.
 
Como poderia ela ter palavras para expressar a sua dor? 
A amizade de muitas pessoas da multidão não era suficiente para lhes trazer o consolo e nem lhes dá a esperança que necessitava.
 
Será que ela ainda tinha idade para casar novamente? Será que casando ainda podia gerar filhos? 
A esperança daquela viúva estava depositada inteiramente no filho agora morto.
 
Morto o filho, morta sua esperança; isto as palavras não explica.
 
O que marcou a vida da viúva de Naim para sempre foi seu encontro com Jesus. Jesus é aquele que devolve a alegria à alma daquele que tem o coração angustiado.
 
Jesus amou e fez pela viúva o que ninguém mais poderia fazer.Ainda hoje é assim. 
Essa ênfase de Jesus ao choro da viúva, nos trás conforto e ânimo.
 
Porque Jesus é aquele que se compadece de nossas fraquezas de nossas decepções e ouve a oração do choro.
 
Davi disse (Sl. 56.8.) que Deus conta nossos lamentos e recolhe nossas lágrimas num odre.
 
Você conhece algum outro Deus que conta lágrimas e decifra a linguagem do choro?
 
Jesus é o único que passa a mão em nosso rosto e enxuga nossas lagrimas com carinho e atenção.
 
A viúva estava se aproximando da sepultura, sua dor aumentava a cada passo; mas no caminho ela encontrou Jesus.
 
A mensagem sobre a viúva de Naim nos prova que Jesus pode mudar situações que esteja irremediavelmente perdida.
 
Mães que choram pelos seus filhos Deus as ouvem; filhos que chora Deus também os ouvem; maridos e mulheres que choram Deus os ouvem também.
 
Agora precisamos saber que tipo de choro é o nosso; Deus não só ouve como ler a linguajem das lágrimas. O choro é a linguajem das palavras que não cabem em nossos lábios.
 
Ismael uma criança chorando no deserto (Gn.21.14-21) porque estava com sede; o choro é a linguajem das crianças.
 
 As crianças oram a Deus através do choro porque ainda não sabem usar as palavras para se defender. 
No deserto Agar não chorou com Ismael nos seus braços, e sim chorava antecipadamente pela morte dele.
 
Conclusão: a resposta de Deus foi pelas lágrimas de Ismael e não pelas lágrimas de Agar.
 
Agar, não temas porque Deus ouviu a voz do menino desde o lugar onde está. Ergue-te levanta o menino e lhe pega pela mão, pois farei dele uma grande nação.
 
Ismael chorou porque queria colo e não queria morrer. Tanto as lagrimas da viúva de Naim quanto às lágrimas de Ismael foram entendidas por Deus que enviou o socorro.
 
Há alguns pregadores que (Fp.4.4) que afirma que o crente não deve  chorar, mas se alegrar sempre. Mas não é bem assim.
 
Jesus disse: bem aventurados são os que choram (Mt.5.4) porque serão consolados. Choro é oração sem palavras que só Deus entende.
 
Assim como Jesus devolveu a vida ao filho da viúva e devolvia à alegria a viúva assim ele faz com os que choram.
 
Ainda que pensemos estar no deserto como Ismael estava, desde os céus Deus nos ouve. Lembra de Maria Madalena que chorava sozinha e abandonada á porta do sepulcro de Jesus?
 
Ela pensava que estava sozinha (Jo. 20.15) e o próprio Jesus era quem a perguntava: mulher, porque choras?
 
Jesus estava com ela, mas ela não o via porque o tinha como morto. Ela pensava que Jesus era o jardineiro do cemitério.
 
Não deixe isto acontecer com você porque Jesus está bem vivo observando tuas lágrimas só para de dá vitória.
 
Certamente todos nós já choramos diante de certas situações da vida.
 
 Chorar é um destes verbos que acompanham o ser humano por toda sua vida. O choro não é um sentimento neutro.
 
O choro é sim uma expressão emocional de cada individuo evidenciada pelo derramamento de lágrimas motivadas por algo.
 
Muitos são os motivos pelos quais choramos; o motivo da viúva de Naim chorar foi a morte do seu filho. E o seu motivo para chorar qual é, ou qual foi?
 
E, vendo-te, o Senhor moveu-se de íntima compaixão por ti, e diz: Não chores.
 
 

Guganic
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A LINGUAGEM DAS LÁGRIMAS E DO CHORO. Lc. 7. 11-17
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Enfim a versão em linguagem atual do Novo Testamento - Texto Receptus
» A Bíblia na Linguagem de Hoje, um livro anticristão
» Estudo sobre a Biblia na Linguagem de Hoje.
» função da linguagem
» É válido simplificar linguagem de clássicos?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM ESTUDOS BÍBLICOS-
Ir para: