SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO.


 
InícioPortalRegistrar-seLogin
Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a pela fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim. ” Gálatas 2:20
ESCOLA BÍBLICA
ORAÇÕES
Quem está conectado
19 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 18 Visitantes :: 2 Motores de busca

jairo nuness

O recorde de usuários online foi de 183 em Ter 19 Nov 2013, 18:07
Últimos assuntos
» AFINAL COMEMOREMOS O NATAL OU NÃO?
Hoje à(s) 12:11 por jairo nuness

» NEEMIAS, O HOMEM MAIS IMPORTANTE DO REINO - Ne. 2.1-8. -
Hoje à(s) 12:10 por jairo nuness

» Pedi, e dar-se-vos-á. (Mateus 7.7) DEVOCIONAL
Hoje à(s) 09:34 por Henrique

» Deus é quem criou o diabo ?(mas sobre predestinação)
Ontem à(s) 18:27 por B.V.

»  MOVIDOS PELA GRAÇA At.4.32-35
Ontem à(s) 15:21 por guganic

»  Fiquei sobremodo alegre pela vinda de irmãos e pelo seu testemunho da tua verdade... DEVOCIONAL
Sex 02 Dez 2016, 09:43 por Henrique

» 30 LOUVORES QUE EDIFICAM PARA OUVIR EM 2017 - As Melhores Músicas Gospel
Qui 01 Dez 2016, 20:28 por Paulo Cezar

» Musicas Gospel para ouvir , Orar e Meditar.
Qui 01 Dez 2016, 20:27 por Paulo Cezar

» VERSICULO DO DIA
Qui 01 Dez 2016, 16:27 por Paulo Cezar

» Minuto com Deus!!!
Qui 01 Dez 2016, 09:52 por Paulo Cezar

» FILHOS NUMA TERRA DISTANTE Lc. 15.11-16
Qua 30 Nov 2016, 12:29 por guganic

» Pastora Sarah Sheeva “zera” as redes sociais com post sobre seus “10 anos sem ver aquilo maravilhoso
Qua 30 Nov 2016, 08:23 por Henrique

» Frase do dia.
Ter 29 Nov 2016, 20:32 por M.Rogério

» O mal uso da internet
Ter 29 Nov 2016, 20:27 por M.Rogério

» O Evangelho não é algo a ser pregado somente aos escolhidos, mas a TODOS os homens.
Ter 29 Nov 2016, 19:59 por M.Rogério

» Dom de línguas
Ter 29 Nov 2016, 10:37 por salomão

» ESCOLA BÍBLICA, PRIMEIRA PARTE, NOVEMBRO A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO.
Ter 29 Nov 2016, 07:53 por Henrique

» Escola Bíblica, Novembro. Segunda parte. A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO
Ter 29 Nov 2016, 07:51 por Henrique

» A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO. Comentários
Ter 29 Nov 2016, 07:40 por Henrique

»  Escola Bíblica, Novembro. Terceira parte. A VIDA, A MORTE E O DEPOIS DA MORTE DO CRISTÃO
Ter 29 Nov 2016, 07:34 por Henrique

» A origem do dia de sábado
Sex 25 Nov 2016, 20:35 por salomão

» A VERDADEIRA LIBERDADE - Para proclamar libertação aos cativos. (Lucas 4.18) DEVOCIONAL
Sex 25 Nov 2016, 10:22 por Henrique

» O ÚNICO MANDAMENTO (Jo. 2.1-11) ... DE MARIA.
Qui 24 Nov 2016, 15:53 por guganic

» SIMEÃO E A PROFUNDA AFLIÇÃO DE MARIA Lc. 2.25-35
Qui 24 Nov 2016, 15:42 por guganic

Navegação
______ _______ ______ ______ _______ _______ ______ _______ ______ ________
Choose Your Language
English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
BÍBLIA EM ÁUDIO

Fórum grátis

DICIONÁRIO BÍBLICO



FIQUE POR DENTRO


imprimir uma pagina


Compartilhe | 
 

  A ESFERA DE NOSSAS AÇÕES E NOSSOS LIMITES II Co 10.13-17

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
guganic



Mensagens : 2018
inscrito em : 08/08/2011

MensagemAssunto: A ESFERA DE NOSSAS AÇÕES E NOSSOS LIMITES II Co 10.13-17   Sab 10 Out 2015, 23:00

      A ESFERA DE NOSSAS AÇÕES E NOSSOS LIMITES
                           II Co 10.13-17
 
Vs.13
Nos, porém, não nos gloriaremos sem medida, mas respeitamos o limite da esfera de ação que Deus nos demarcou e que se estende até vós.
 
O homem é um ser limitado e delimitado inclusive pelo próprio Deus.
 
Nenhum ser humano é absoluto na sua esfera de vida e esfera de ação de Deus.
 
Não somos absolutamente pacientes nem absolutamente impacientes; não somos absolutamente santos nem também absolutamente profanos; nem absolutamente sábios nem absolutamente tolos. (Ec.7.16)
 
Somos um pouco de tudo o que somos e podemos facilmente atingir os limites do pouco que somos com facilidade, ou não.
 
Podemos atingir os limites de nossas tolices com a mesma exatidão que podemos atingir os limites da nossa sabedoria. 

O mesmo princípio se aplica à santidade à profanação à paciência e a impaciência.
 
Você conhece seus limites? Conheces a esfera de ação que Deus demarcou para tua vida? Você sabe até aonde pode ou não pode chegar ou realizar?
 
Conheces a fundo a vossa própria limitação? A limitação física, moral, mental, emocional e também espiritual? É disto que vamos tratar a partir de agora.
 
Ao defender sua autoridade apostólica Paulo deixa claro conhecer os seus próprios limites e os limites demarcados por Deus até onde ele podia atuar.
 
Disse Paulo: “Na verdade, quando presente entre vós, (1) sou humilde”.
 
E depois diz: “Quando ausente (1) ousado para convosco”. 

Isto não é ter “duas caras” como alguns imaginam; Isto é conhecer e saber em qual esfera de ação está atuando para não ultrapassar os limites.
 
“Não ultrapassamos os nossos limites não nos gloriamos sem medida”.
 
Com estas palavras (13,14) Paulo estava dizendo: não me envergonho de gloriar-me um pouco no poder que Deus me tem dado.

Paulo diz que podia quando presente entre eles dá provas do poder que tinha em Deus. Por conhecer os limites da esfera da ação de Deus em sua vida ele encerra sua prédica dizendo:
 
“Posso gloriar-me um pouco da minha autoridade em Deus”, mas uma coisa eu não faço: é juntar-me àqueles (12) que se louvam a si mesmos.
 
Quem se louva a si mesmo saiu dos limites da esfera de Deus e adentrou os limites da tolice e da insensatez.
 
Quem não conhece seus limites pode ultrapassá-los com facilidade e dependendo em que área se deu a quebra do limite e as conseqüências poderão ser irreparáveis.
 
Está escrito: Não seja demasiadamente justo nem demasiadamente sábio; porque te destruirias a ti mesmo?(Ec.7.16) Isto prova que há um limite para tudo.
 
Disse o povo a Moisés: Será por não haver sepulcros no Egito, que nos tiraste de lá para que morramos neste deserto? (Ex.14.11-16) Não é isso o que te dissemos no Egito: deixa-nos para que sirvamos aos egípcios?
 
Dá para imaginar a decepção de Moisés? Acompanhado de um povo resmungão, povo incrédulo e que não poupava acusações contra ele.
 
Acampado entre Migdol e o Mar Vermelho, já no limite da suas forças ele disse ao povo: aquiete-vos, o Senhor pelejará por vós e vos calareis.
 
Disse o Senhor a Moisés: por que clamas a mim? Porque estavam cercados por todos os lados por Faraó sua gente as montanhas e o Mar Vermelho.
 
Disse-lhe Deus: Levanta o teu bordão sobre o mar e divide-o; e Deus abriu o Mar Vermelho para Moisés.
 
Ana no limite da sua amargura demorou-se a orar perante o Senhor e foi considerada uma mulher embriagada e Deus lhe deu Samuel como consolo
 
Elias no limite do seu desânimo chegou ao monte Horebe fugido da pessoa de Jezabel e pediu para si a morte. Deus providencialmente o arrebatou.
 
Nossos limites existem e eles são oportunidades para Deus realizar coisas extraordinárias em nossas vidas.
 
Certa ocasião um homem encontrou com um colega seu de longa data, e em um pontilhão que passava sobre um rio mui caudaloso conversavam tranquilamente.
 
De repente um rapaz caiu no rio e debatia-se desesperadamente para não morrer afogado.
 
Um deles disse para o outro: se jogue na água e salve-o afinal você é um campeão de natação. E o campeão de natação olhou para o moço que se afogava e não saltou no rio.
 
De repente o campeão de natação se jogou e salvou o moço que se afogava
 
Curioso o amigo perguntou: o que te fez mudar de ideia?
 
Ele respondeu: enquanto ele tinha força debatia-se violentamente tentando se salvar e se eu me jogasse nesta hora poderia afundar-me com ele.
 
Quando ele parou de lutar contra a morte por ter chegado ao limite da sua força e entrado no limite da sua exaustão, pude entrar na água e salvá-lo tranquilamente.
 
Quando atingimos nossos limites e ainda não realizamos o que devemos realizar para Deus, Ele vem ao nosso encontro e manifesta a Sua glória.
 
Quando Cristo atingiu o limite da Sua exaustão perguntou: Deus meu, Deus meu (Mt.27.46) porque me desamparaste?
 
E Deus o ressuscitou ao terceiro dia.
 
Estais no limite? Respeite a esfera de ação de Deus. Estais no limite? Pare de se debater e Deus fará brilhar a tua luz, e revigorará a tuas forças.
 
 
 
Guganic
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A ESFERA DE NOSSAS AÇÕES E NOSSOS LIMITES II Co 10.13-17
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Calcular o diâmetro de uma esfera
» Teorema de Lamy - Esfera
» Área de círculo em esfera
» Campo elétrico no interior de um esfera isolante
» Pirâmide e esfera circunscrita.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SEMEADORES DA PALAVRA DE DEUS - A PORTA DE DEUS PARA A SALVAÇÃO. :: FÓRUM ESTUDOS BÍBLICOS-
Ir para: